Posts

R2 Produções Beneficia 46 Instituições Sociais do DF

Entretenimento, impulso na economia e impacto social. O ‘Na Praia’ desembarcou na capital em 2014 e trouxe na bagagem clima praiano e cenários deslumbrantes, mais precisamente para a Orla do Lago Paranoá. Dentre as diversas atrações que um evento como esse pode proporcionar aos brasilienses como shows, moda, gastronomia, festas, esportes e lazer, despertam a atenção as ações que evidenciam a responsabilidade social dos organizadores. A começar da geração de empregos diretos e indiretos, o ‘Na Praia’, realizado pela produtora de eventos ‘R2 Produções’, já beneficiou 46 instituições sociais no Distrito Federal por meio da doação de alimentos arrecadados com a venda dos ingressos do evento.

A Casa Azul Felipe Augusto, instituição de assistência social que atende diariamente 1940 crianças e adolescentes nas comunidades de Samambaia e no Riacho Fundo II, foi uma das contempladas com 2 toneladas de mantimentos. A distribuição das doações arrecadadas nos dias de evento do ‘Na Praia’ fica a cargo do Conselho de Entidades de Assistência Social do Distrito Federal (Cepas) que hoje tem o total de 62 instituições filiadas.

O reflexo da doação nas contas das instituições sociais é imediato. Na Casa Azul, por exemplo, a média de gastos mensal com alimentação chega à casa dos 12 mil reais, mas com a doação a economia foi de 43%, o que para a Instituição representa o investimento do valor economizado para a melhoria e manutenção dos projetos e programas oferecidos.

Para a presidente da Casa Azul e do Cepas, Daise Moisés, o engajamento das empresas com a responsabilidade social é primordial para a conscientização da sociedade de modo geral. “Se todas as empresas que promovem esses eventos culturais e esportivos pudessem contribuir nós teríamos realmente muitos benefícios para as instituições. O mundo melhor que hoje desejamos é reponsabilidade de todos nós. Podemos nos divertir e ao mesmo tempo contribuir para um mundo mais justo e igualitário. Então, é louvável demais o trabalho que a R2 vem fazendo”, declarou.

Voltar